Cuidadores de idosos

Exercícios para resgate de memória

por Daniela Santilli
8 de março de 2020

A idade chega e começamos a esquecer pontos importantes da nossa história e também detalhes do dia a dia. Como fazer para estimular as lembranças da pessoa idosa?

Foto: Laura Fuhrman – Unsplash

A memória é uma das funções mais complexas do organismo humano. É a forma como o cérebro adquire e armazena informações. Existem três tipos principais de memória:

  • Memória de trabalho: faz parte da memória de curto prazo, pois atua quando a informação está sendo adquirida. Funciona por alguns segundos e em seguida define se deve ser guardada a longo prazo ou se pode ser descartada. Quer um exemplo? Um número de telefone. Depois de anotado, você não precisa mais saber, mas caso não tenha como anotar, ele deve ser guardado por um período maior.
  • Memória de curto prazo:  Armazena os dados até que eles sejam gravados de forma definitiva. Pode durar algumas horas.
  • Memória de longo prazo: É a que guarda de forma definitiva as informações, e é com ela que vamos trabalhar, pois é aqui que estão as memórias autobiográficas e todo nosso conhecimento.

Para trabalhar com a pessoa idosa que já tenha problemas de memória, recomendamos que sejam realizados exercícios que possibilitem a estimulação da memória.

Você pode fazer isso usando diversos elementos, como:

  • câmera fotográfica

    Fotos: separe fotos antigas em que apareçam familiares, amigos, professores, casas, viagens e momentos importantes da vida da pessoa idosa. Criamos um post com dicas para encaminhar esse momento de um jeito realmente estimulante.

  • violão

    Músicas, sons e cantigas: converse com a pessoa idosa, pergunte quais as músicas, compositores e cantores ela ouvia na sua infância, juventude e início da vida adulta. Se ela não se lembrar, pergunte aos familiares e amigos. Crie uma lista com as músicas e coloque-as para tocar. Saiba mais possibilidades dessa atividade nesse post.

  • baú

    Baú de memórias: crie uma caixa com objetos significativos para a pessoa idosa – itens de uso diário ou que representem um momento importante da sua história. Feche os olhos da pessoa idosa, peça a ela que coloque a mão dentro da caixa, pegue alguma coisa e descreva o que ela está pegando. Ela deve responder qual o objeto ela pegou, de quem ela ganhou, e qual a importância dele para ela guardá-lo durante tanto tempo. Acesse esse post para saber como.

Sobre a autora:

Daniela Santilli

Daniela Santilli, fundadora do Plano Cuida Idoso, onde escreve e compartilha sobre cuidados, direitos e experiências com a terceira idade, formada cuidadora de idosos pela Cruz Vermelha, estudante de Gerontologia. Atua no mercado atendendo a pessoa idosa e seus familiares em casa, onde trabalha segurança, organização, afeto e reinserção social da pessoa idosa.

Madu

Receba conteúdos especiais da Madu pelo seu email

Somos guardiões das memórias afetivas de tudo que vivemos e queremos compartilhá-las. Vamos juntas e juntos construir relações de afeto entre gerações? Te esperamos pra mais essa jornada! Conheça o nosso manifesto clicando aqui.

Veja nosso Manifesto