Aprendizado | Cuidado

Como lidar com a solidão?

por Madu
27 de agosto de 2020

Se envolver com atividades sociais e físicas são formas que evitar o isolamento social

Foto: De Visu – Shutterstock

A solidão é um dos fatores que mais afetam a saúde emocional e física das pessoas. Com a chegada da terceira idade, esse problema torna-se mais recorrente por conta do afastamento dos idosos de atividades sociais, como o trabalho, e nesse contexto, é importante encontrar estratégias de como lidar com a solidão.

Cuidar da saúde emocional, mantendo o contato com outras pessoas é a recomendação de profissionais de todas as áreas da saúde. Cultivar relacionamentos com familiares, vizinhança, colegas de clubes e centro de vivência, além de realizar atividades físicas, como dança, ginástica, jogos e praticar hobbies são formas de evitar a solidão e manter a mente ativa.

Mas então, como lidar com a solidão?

Com o objetivo de estimular a prática de atividades que melhoram o bem-estar e saúde de idosos, a Organização Mundial de Saúde (OMS) criou o documento “Envelhecimento Saudável – Uma Política de Saúde”, elaborado pela Unidade de Envelhecimento e Curso de Vida.

Nele, a OMS alerta que “as pessoas idosas apresentam maior probabilidade de perder parentes e amigos, de ser mais vulneráveis à solidão, isolamento social e de ter um menor grupo social. O isolamento social e a solidão na velhice estão ligados a um declínio de saúde tanto física como mental. Em muitas sociedades, homens têm menos chance do que as mulheres de obter redes de apoio social. Entretanto, em algumas culturas, as mulheres idosas que ficam viúvas são sistematicamente excluídas da sociedade ou até rejeitadas por sua comunidade”.

Para reduzir os riscos da solidão e isolamento social, o documento indica a busca por “apoio de grupos comunitários dirigidos por pessoas mais velhas, sociedades tradicionais, grupos de autoajuda e cooperação, programas comunitários, visitas comunitárias, programas de apoio por telefone e cuidadores familiares. Apoiar o contato entre as diferentes gerações e providenciar habitações em comunidades que estimulem a interação social diária e a interdependência entre jovens e idosos”.

Mas como lidar com a solidão? A psicóloga Tariane F. Bastos Pereira* afirma que “a solidão está relacionada, muitas vezes, com um rebaixamento do humor. Então, é importante observar se atividades que antes eram prazerosas acabaram sendo reduzidas na rotina em virtude de diminuição da motivação. Outro ponto se refere ao afastamento ou isolamento social, como a perda ou diminuição de contato com amigos, colegas e familiares. Nesse caso, é de suma importância reconstruir esses vínculos e contatos, mesmo que seja à distância, além de retomar atividades prazerosas. Outra prática que auxilia muito é a realização de exercícios físicos e a participação em grupos com assuntos ou temas do interesse.”

Atividades sociais e físicas prazerosas são as principais indicações de como lidar com a solidão. Essas práticas favorecem o bem-estar geral do idoso.

*Tariane F. Bastos Pereira é psicóloga, mestre em Psicologia do Desenvolvimento e Aprendizagem pela UNESP/Bauru. Atua em avaliação psicológica, tratamento e prevenção psicológica, psicopatologias e promoção de saúde mental. No ITB atua como psicóloga na Organ, Gealb e Gappec.

Sobre a autora:

Madu

MADU é uma iniciativa do projeto Rede Bem Estar, realizado pelo Conselho Estadual do Idoso, em parceria com o Grupo Tellus, a Brasilprev e a Liga Solidária. Foi criada para potencializar a relação entre pessoas mais velhas, seus familiares e amigos além de compartilhar conteúdos sobre envelhecimento e velhice.

Madu

Receba conteúdos especiais da Madu pelo seu email

Somos guardiões das memórias afetivas de tudo que vivemos e queremos compartilhá-las. Vamos juntas e juntos construir relações de afeto entre gerações? Te esperamos pra mais essa jornada! Conheça o nosso manifesto clicando aqui.

Veja nosso Manifesto